A Cia fará 4 apresentações de dois espetáculos: "Fios do Tempo" e "Delicadeza", solo inédito, inspirado em "Damas das Camélias". A Cia da Ideia foi contemplada no edital de fomento Viva a Cultura!, da Secretaria Municipal de Cultura e ocupa o espaço Regina Miranda, em Laranjeiras.

stombreit

Foto: Tom Breit

 

Sobre "Fios do Tempo"

"FIOS DO TEMPO", dirigido por Sueli Guerra, engloba duas coreografias inéditas: "Fios do Tempo" e "Um botão e Duas Rosas". Na primeira parte, a coreografia "Um botão e Duas Rosas", traz à tona as lembranças da infância, bem como as esperanças e anseios sobre o que o futuro reserva ao jovem artista. A coreografia faz uma viagem no tempo para trazer de volta temas como o primeiro amor, os medos, as ilusões, as dúvidas, angústias e incertezas sobre o futuro.

A segunda parte aborda questões como: "É o tempo que passa ou somos nós que passamos?"; "O desejo acaba?"; "O que está dentro não é o mesmo que está fora?"; "Para onde devemos seguir?", além de tantas outras dúvidas que constantemente surgem e colocam em pauta essa nova sociedade madura que está despontando.

O espetáculo "Fios do Tempo" estreou em agosto de 2015, no Centro Coreográfico do Rio de Janeiro, realizando três apresentações. Em Novembro do mesmo ano, realizou quatro apresentações no Teatro Cacilda Becker. Em abril de 2016, realizou única apresentação a convite do SESC Rio, na unidade SESC Niterói. Em todas as apresentações, o espetáculo obteve sucesso de público e da crítica especializada.

A Cia da Ideia, companhia de dança contemporânea fundada pela coreógrafa e bailarina Sueli Guerra, conta com profissionais capacitados, todos com experiência no mercado cultural nacional, tanto na criação quanto na execução de projetos culturais que buscam a inclusão social através da dança, bem como o acesso à cultura para todas as classes sociais.

Através de um trabalho de pesquisa, a Cia da Ideia trouxe à tona neste espetáculo, várias questões que permeiam a chegada dos indivíduos à maturidade, evidenciando e quebrando os estereótipos que se construíram ao longo do tempo em torno dessa figura.

O projeto se apresentará dentro do processo de Subvenção - 10 anos da Cia da Ideia, que foi ganhador do edital de fomento Viva Cultura! e é patrocinado pela Secretaria Municipal de Cultura / Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.

Serviço:
Teatro Cacilda Becker
Endereço: R. do Catete, 338 - Catete, Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21) 2265-9933
Temporada: Dias 27 e 28 de outubro
Horários: Quinta e sexta às 20:00
Duração: 55 minutos
Lotação: 140 lugares
Entrada franca

 

Sobre "Delicadeza"

"Delicadeza", solo de dança contemporânea coreografado por Paulo Marques, é inspirado na obra "Dama das Camélias" e traz a sutileza do espetáculo que se tornou referência para a diretora e bailarina, Sueli Guerra. Inédito, o espetáculo tem como foco o momento de desintegração de importantes valores humanos que sofre a sociedade contemporânea: convívio e tolerância são apenas palavras de discurso.

Este "feminino" não habita apenas no corpo da mulher, mas é na mulher que esta essência sobrevive e se renova a todo instante. O jogo do "agora" com a presença viva da artista e o deslocamento íntimo do seu público é o combustível para este trabalho de dança, que se impõe como um re-sensibilizador.

Na ação, promove uma experiência corporal e que, com toda "delicadeza", cria um jogo de duas vias, não uma repetição de movimentos, mas uma aparição viva e urgente.

Aprofundado na pesquisa sobre o ser humano, o feminino e a delicadeza, assunto pertinente ao mundo contemporâneo, "Delicadeza" estuda e coloca em cena as várias facetas do ser humano. O caráter leve do espetáculo conduz à formação de público de dança contemporânea, tão escasso no Brasil.

A CIA. DA IDEIA, que se caracteriza como um grupo de criação aponta para um novo rumo no fazer artístico da área da dança, onde o bailarino/ator não é mero instrumento ou intérprete e, sim, um ser pensante que interage com o mundo e contribui com sua experiência vivencial no processo de criação. O artista da Cia da Ideia, com base no direcionamento da coreógrafa Sueli Guerra, cria, assim, um "produto-espetáculo" mais verdadeiro e vivo.

A Companhia usa o diálogo entre o teatro e a dança contemporânea para aproximar a plateia da encenação, fazendo com que o espectador possa vivenciar todos os pontos de vista apresentados, de maneira delicada e impactante.

O solo delicadeza traz a cena desejos, anseios e medos dos seres humanos, mas também sobre suas felicidades e seus mundos e seus prazeres.

Serviços:  
Teatro Cacilda Becker
Endereço: R. do Catete, 338 - Catete, Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21) 2265-9933
Temporada: Dias 29 e 30 de outubro
Horários: sábado às 20:00 e domingo às 19:00
Duração: 35 minutos
Lotação: 140 lugares
Entrada franca

niver-viagens_728x90

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Chalezinho_300x250